JurisWay - Sistema Educacional Online
 
Kit com 30 mil modelos de petições
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Eventos
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 

Anotações de Direito Tributário.


Autoria:

Danilo Santana


Advogado, OAB 32.184 MG, graduado em Direito pela PUC-MG, membro efetivo do Instituto dos Advogados. Especialização em Marketing Internacional e Pós-Graduação em Direito Público. Professor de Direito Empresarial e autor literário.

Outros artigos da mesma área

IMPOSTO DE RENDA E O PRINCÍPIO PECÚNIA NON OLET

Domicílio Tributário

compras coletivas virtuais, sua forma, constituição e a incidência do ISS

Controle de Constitucionalidade e a Coisa Julgada na visão do Parecer 492 da PGFN

A COMPENSAÇÃO DE CRÉDITOS PREVIDENCIÁRIOS COM DÉBITOS REFERENTES A OUTROS TRIBUTOS FEDERAIS, E O PROJETO DE LEI DO SENADO 699/07.

Sociedade Empresarial sem registro: é valida?

Ação revisional do FGTS - sentença procedente no Juizado Especial Federal de Foz do Iguaçu / PR dá novo ânimo para os contribuintes

Imunidade Tributária dos Templos de Qualquer Culto na CF/88

PRAZO DE DECADÊNCIA TRIBUTÁRIA PRECISA SER REDUZIDO PARA DOIS ANOS

A DISCREPÂNCIA DOS ÍNDICES DE ATUALIZAÇÃO ENTRE CRÉDITOS DA PGFN E RFB E DÉBITOS DA UNIÃO PAGOS VIA PRECATÓRIOS

Mais artigos da área...

Texto enviado ao JurisWay em 17/09/2010.

Última edição/atualização em 22/09/2010.



Indique este texto a seus amigos indique esta página a um amigo



Quer disponibilizar seu artigo no JurisWay?

 

 

Noções de Direito Tributário.

 

 

 

A obrigação tributária é o vínculo jurídico pelo qual o Estado, com base exclusivamente na legislação tributária, pode exigir do particular uma prestação tributária positiva ou negativa.

 

Obrigação Tributária Principal: é aquela cuja criação depende sempre de lei, tendo como objeto o pagamento do tributo ou penalidade pecuniária, vale dizer que é de natureza patrimonial.

 

Obrigação Tributária Acessória: é criada pela legislação tributária, seu objeto, em vez de pagamento, são determinadas ações ou omissões que irão auxiliar o fisco na administração dos tributos. O objeto da obrigação acessória é sempre não patrimonial.

 

Enquanto a obrigação principal envolve somente o objeto maior, qual seja o pagamento do tributo ou penalidade, as acessórias são todas as demais, instrumentais cujo objeto é facilitar a localização e a exigência da principal.


Sujeito ativo: é a pessoa jurídica de direito Público que recebeu da Constituição a competência para exigir o tributo objetivado na obrigação. A União, os Estados e o Município.

 

Sujeito passivo: é a pessoa obrigada ao pagamento do tributo ou da penalidade pecuniária ou ao cumprimento das prestações positivas ou negativas determinadas pela legislação tributária.

 

Fato Gerador: é o fato ou conjunto de fatos que configuram uma hipótese de incidência  da obrigação tributária.

 

Responsável indireto: é alguém envolvido ou não com o fato gerador, mas obrigatoriamente indicado pela lei de cada tributo.

 

A exigibilidade do tributo somente ocorre quando consumado o fato sobre o qual incide a norma de tributação, ou seja: quando concretiza a hipótese legal de incidência tributária.

 

Importante:
1 - Conforme lei 9.610/98, que dispõe sobre direitos autorais, a reprodução parcial ou integral desta obra sem autorização prévia e expressa do autor constitui ofensa aos seus direitos autorais (art. 29). Em caso de interesse, use o link localizado na parte superior direita da página para entrar em contato com o autor do texto.
2 - Entretanto, de acordo com a lei 9.610/98, art. 46, não constitui ofensa aos direitos autorais a citação de passagens da obra para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor (Danilo Santana) e a fonte www.jurisway.org.br.
3 - O JurisWay não interfere nas obras disponibilizadas pelos doutrinadores, razão pela qual refletem exclusivamente as opiniões, ideias e conceitos de seus autores.

Comentários e Opiniões

1) Álvaro (25/11/2013 às 16:13:54) IP: 179.110.63.197
Tudo muito claro!


Somente usuários cadastrados podem avaliar o conteúdo do JurisWay.

Para comentar este artigo, entre com seu e-mail e senha abaixo ou faço o cadastro no site.

Já sou cadastrado no JurisWay





Esqueceu login/senha?
Lembrete por e-mail

Não sou cadastrado no JurisWay




 
Copyright (c) 2006-2022. JurisWay - Todos os direitos reservados