JurisWay - Sistema Educacional Online
 
JurisWay - Produção de Textos com Certificado
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 

UM BREVE COMENTÁRIO SOBRE À POLÍCIA FEDERAL


Autoria:

Rejuraine Cabral

Outros artigos da mesma área

DO COMPORTAMENTO CRIMINOSO AO CRIME: Situação carcerária e ressocialização

A CRIMINALIDADE NAS FAVELAS BRASILEIRAS, A LUZ DA TEORIA DA DESORGANIZAÇÃO SOCIAL.

Violência Financeira contra a Mulher - Contra o Abuso e a Fraude Sentimental

A Ressocialização e as penas alternativas junto ao sistema carcerário brasileiro

Conseiderações Gerais sobre os Crimes de Roubo e Extorsão

A EFICÁCIA POLÍTICA CRIMINAL DA ANTECIPAÇÃO DA TUTELA PENAL.

EXECUÇÃO DA REPARAÇÃO CIVIL FUNDADA EM SENTENÇA CONDENATÓRIA PELO PRÓPRIO JUÍZO CRIMINAL

Agravo na execução tudo que você precisa saber sobre esse recurso

DIREITO PENAL DO INIMIGO AO LONGO DA HISTORIA E AS CIRCUNSTÂNCIA DEMOCRÁTICA DE DIREITO

O Trabalho e a Ressocialização do Apenado à Luz do Método APAC

Mais artigos da área...

Texto enviado ao JurisWay em 25/09/2014.



Indique este texto a seus amigos indique esta página a um amigo



Quer disponibilizar seu artigo no JurisWay?

POLÍCIA FEDERAL

 

 Contexto Histórico

A Polícia Federal tem na sua origem a Intendência- Geral  de Policia da Corte e do Estado do Brasil, criada por Dom João VI, em 10 de maio de 1808, com as mesmas atribuições que tinha em Portugal.

Com o Decreto-Lei nº 6.378/1944, a antiga Policia Civil do Distrito Federal, que funcionava na cidade do Rio de Janeiro, ex-capital da República, no governo de Getulio Vargas, foi transformada em Departamento Federal de Segurança Pública (DFSP), diretamente subordinado ao Ministro de Justiça e Negócios Interiores [1].

Em 1946 devido ao Decreto-Lei nº 9.353 foi ampliada a competência do DFSP para todo o território nacional e em 1965 através  da Lei nº 4.878, regulamentada pelo Decreto nº 59.310, instituiu o Estatuto do Policial.

Como o Estatuto do Policial Federal é de 1965e sofreu diversas alterações ao longo dos anos, nele convivem as nomenclaturas "Departamento Federal de Segurança Pública" e "Departamento de Polícia Federal". A despeito dessas alterações, inclusive por meio de revogações tácitas - como as trazidas em 2006, quanto à forma de remuneração, o Estatuto mantém ainda hoje, entre outros aspectos, o modelo disciplinar surgido à época do Regime Militar, prevendo de forma ampla a punição de policiais que formularem críticas ao governo, ao "se referirem de modo depreciativo às autoridades e atos da administração pública" ou "promoverem manifestação contra atos da administração" [2].

A Constituição Federal de 1967 estabeleceu a mudança do nome de DFSP para Departamento de Policia Federal. As ulteriores Constituições continuaram com o termo.

 

Atuação

 

Nossa atual Carta Magna instituiu em seu artigo 144 que a policia federal é um órgão permanente, estruturado em carreira, organizado e devidamente mantido pela União. Sua função  consta no mesmo dispositivo legal, a saber:   

 

I- Apurar infrações penais contra a ordem política e social ou em detrimento de bens, serviços e interesses da União ou de suas entidades autárquicas e empresas públicas, assim como outras infrações cuja prática tenha repercussão interestadual ou internacional e exija repressão uniforme, segundo se dispuser em lei;

II- Prevenir e reprimir o tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, o contrabando e o descaminho, sem prejuízo da ação fazendária e de outros órgãos públicos nas respectivas áreas de competência;

III- Exercer as funções de polícia marítima, aeroportuária e de fronteiras;

IV-  Exercer, com exclusividade, as funções de polícia judiciária da União. (grifo nosso)

 

 

O inciso é referente todas as vezes que houver uma infração contra a União (como no caso dos ficais da Fazenda), uma de suas autarquias (como DNIT) ou uma empresa pública (Caixa Econômica Federal, Correios etc), a PF será responsável pela investigação.

Além disso, todas as vezes que houver qualquer infração que tenha repercussão em mais de um Estado ou em mais de um país, ela também será a responsável.

O inciso II diz que sempre que houver tráfico de entorpecentes, contrabando ou descaminho (entrada ou saída de produtos legais no país, mas sem seguir os trâmites devidos), a PF também será a responsável pela investigação.

O inciso III se refere ao controle das nossas fronteiras. Por exemplo, quando você chega ou sai do país, você apresenta seu passaporte a um agente da Polícia Federal. Ele está lá porque a PF é responsável por garantir que quem não pode não saia do país, e quem não deva não entre nele.

Já o último inciso é o mais extenso, é a Polícia  Judiciária que atua depois de o crime ocorrer porque suas investigações auxiliam o Judiciário a encontrar a verdade (a julgar). [3]

Mas se a Polícia Civil já é responsável pela investigação, por que a PF também seria? Elas têm funções diferentes. As polícias civis são estaduais e investigam os delitos que são julgados pelas justiças estaduais. A PF investiga aquilo que é julgado pelo poder Judiciário federal.[4]

Podemos destacar, dentre muitos trabalhos realizados pela Polícia Federal, os seguintes:

“PF flagra desvio recorde de recursos públicos em 2011 Operações da Polícia Federal flagraram desvio de R$ 3,2 bilhões de recursos públicos em 2011, dinheiro que teria alimentado, por exemplo, o pagamentos de propina a funcionários públicos, empresários e políticos. O valor é mais do que o dobro do apurado pela polícia em 2010 (R$ 1,5 bilhão) e 15 vezes o apontado em 2009 (R$ 219 milhões). A título de comparação, representa quase metade do dinheiro previsto para as obras de transposição do rio São Francisco. O total de servidores públicos presos também aumentou: de 124, em 2010, para 225, no ano passado (…) A PF realizou, em 2011, a maior apreensão de dinheiro da história das investigações no Brasil: o equivalente a R$ 13,7 milhões foi encontrado nas casas de auditores da Receita Federal em Osasco (SP). Foi durante a Operação Paraíso Fiscal. O dinheiro estava em caixas de leite, fundos falsos de armário e em forros (…) Em outra operação, a Casa 101, a PF descobriu que, na região de Recife, quase todos os contratos entre Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte) e construtoras eram fiscalizados por apenas um servidor (…) Na Operação Saúde, do Rio Grande do Sul, 34 funcionários públicos municipais foram presos, acusados de desviar verbas federais destinadas à compra de medicamentos. Em um ano, o grupo teria movimentado um total de R$ 70 milhões. [5]” (grifo nosso)

Comprova-se, desde modo, a grande importancia do trabalho realizado pela policia federal para a sociedade.

O Judiciário federal julga além de tudo aquilo que é julgado diretamente pelo STF, pelos tribunais superiores e inferiores, a PF investiga tudo que será julgado pelos juízes federais, o que inclui o estabelecido no artigo 109 CF/88;.

Art. 109 I: “As causas em que a União, entidade autárquica ou empresa pública federal forem interessadas na condição de autoras, rés, assistentes ou oponentes; (...) IV: Os crimes políticos e as infrações penais praticadas em detrimento de bens, serviços ou interesse da União ou de suas entidades autárquicas ou empresas públicas; V: Os crimes previstos em tratado ou convenção internacional, quando, iniciada a execução no País, o resultado tenha ou devesse ter ocorrido no estrangeiro, ou reciprocamente; VI: As causas relativas a direitos humanos com a qual o país tenha se comprometido em tratado internacional; VII: Os crimes contra a organização do trabalho e contra o sistema financeiro e a ordem econômico-financeira; (...)XI: As causas referentes à nacionalidade; XII:A disputa sobre direitos indígenas.” (grifo nosso)

A Policia Federal é coordenada pelo Delegado de Polícia Federal, e está presente em todos os Estados do Brasil. Além de cuidar das fronteiras de nosso país, impedindo a entrada de armas, drogas ou contrabando, é responsável pela investigação de crimes que afetam o país como um todo.  

Em síntese, a Polícia Federal e a Polícia Civil têm a mesma natureza, são chamadas polícia judiciária, e são os policiais que trabalham nelas que fazem a investigação de crimes. A Polícia Federal cuida dos crimes de interesse da União (crimes federais), e crimes que afetam o país, como o contrabando, tráfico de drogas, tráfico de armas, etc. A Polícia Civil cuida dos crimes que ocorrem dentro do Estado, como homicídios, roubos, sequestros, etc. [6]

 

 



[1] Disponível em: http:// WWW.enciclopediaescolar.hpg.com.br. Acessado em 28 de fevereiro de 2013

 

[2] MIRABETE, JULIO FABBRINI. Manual de Direito Penal, vol. 1, Editora Atlas, 8ª edição, 1994

[3] http://direito.folha.uol.com.br. Acessado em 20 de fevereiro de 2013

 

[4] http:// www.casodepolicia.com.br. Acessado em 26 de fevereiro de 2013

 

[5] http://direito.folha.uol.com.br. Acessado em 20 de fevereiro de 2013

  

[6]  Disponível em: http://www.casodepolicia.com.br. Acessado em 26 de fevereiro de 2013

Importante:
1 - Conforme lei 9.610/98, que dispõe sobre direitos autorais, a reprodução parcial ou integral desta obra sem autorização prévia e expressa do autor constitui ofensa aos seus direitos autorais (art. 29). Em caso de interesse, use o link localizado na parte superior direita da página para entrar em contato com o autor do texto.
2 - Entretanto, de acordo com a lei 9.610/98, art. 46, não constitui ofensa aos direitos autorais a citação de passagens da obra para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor (Rejuraine Cabral) e a fonte www.jurisway.org.br.
3 - O JurisWay não interfere nas obras disponibilizadas pelos doutrinadores, razão pela qual refletem exclusivamente as opiniões, ideias e conceitos de seus autores.

Nenhum comentário cadastrado.



Somente usuários cadastrados podem avaliar o conteúdo do JurisWay.

Para comentar este artigo, entre com seu e-mail e senha abaixo ou faço o cadastro no site.

Já sou cadastrado no JurisWay





Esqueceu login/senha?
Lembrete por e-mail

Não sou cadastrado no JurisWay




 
Copyright (c) 2006-2019. JurisWay - Todos os direitos reservados