JurisWay - Sistema Educacional Online
 
JurisWay - Benefícios Previdenciários com Certificado
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 

DIREITOS DO CONSUMIDOR


Autoria:

Tiago Saad Morlin


Aluno do 4° ano do curso de Direito, da faculdade Dr. Francisco Maeda - FAFRAM.

envie um e-mail para este autor

Outros artigos do mesmo autor

A ADOÇÃO NO BRASIL
Direito de Família

Texto enviado ao JurisWay em 27/03/2015.

Última edição/atualização em 07/04/2015.



Indique este texto a seus amigos indique esta página a um amigo



Quer disponibilizar seu artigo no JurisWay?

 

DIREITOS DO CONSUMIDOR

No Brasil, a questão da defesa dos direitos do consumidor começou a ser discutida no início dos anos 70, com a criação das primeiras associações civis e entidades governamentais voltadas para esse fim (Ex: Conselho de Defesa do Consumidor – CONDECON, Associação de Proteção ao Consumidor – APC, etc.). Mas foi somente em 1988, com a promulgação da Constituição Federal, que estabeleceu como dever do Estado promover a defesa do consumidor e um prazo para a elaboração de um Código para esse fim.

Dois anos depois, em setembro de 1990 foi sancionada pelo então Presidente da República Fernando Collor de Mello a Lei N° 8.078/90, mais conhecida como CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR.

Segundo o CDC, consumidor é toda pessoa física ou jurídica que adquire ou utiliza produto ou serviço como destinatário final. Fornecedor, é toda pessoa física ou jurídica, pública ou privada, nacional ou estrangeira, bem como os entes despersonalizados, que desenvolvem atividade de produção, montagem, criação, construção, transformação, importação, exportação, distribuição, comercialização de produtos ou prestações de serviços. Produto é qualquer bem, móvel ou imóvel, material ou imaterial. Serviço é qualquer atividade fornecida no mercado de consumo, mediante remuneração.

Um dos principais artigos do CDC é o art. 6°, pois ele traz os direitos básicos de todo consumidor, como por exemplo, a proteção da vida, saúde, educação, a informação adequada e clara sobre os diferentes produtos e serviços, a proteção contra a publicidade enganosa e abusiva, a facilitação da defesa dos direitos do consumidor, inclusive a inversão do ônus da prova, a adequada e eficaz prestação dos serviços públicos em geral, entre outros. Vale ressaltar que o art. 6° do CDC não é fonte exclusiva dos direitos básicos e fundamentais do consumidor, há tratados e convenções internacionais que o Brasil seja signatário e que também tratam do assunto. Um exemplo é a Resolução da ONU 39/248 de 1985.

É inquestionável que o CDC trouxe inúmeras mudanças benéficas para as relações de consumo no cotidiano dos cidadãos brasileiros, mas como já é sabido, quase vinte cinco anos depois da criação desse Código, ainda hoje, infelizmente, muitos consumidores são lesados diariamente por falta de conhecimento de seus direitos, protegidos e defendidos pelo Código de Defesa do Consumidor.

 

 

Tiago Saad Morlin, aluno do 4° ano do curso de Direito da Faculdade Dr. Francisco Maeda – FAFRAM/ Ituverava-SP.

Importante:
1 - Conforme lei 9.610/98, que dispõe sobre direitos autorais, a reprodução parcial ou integral desta obra sem autorização prévia e expressa do autor constitui ofensa aos seus direitos autorais (art. 29). Em caso de interesse, use o link localizado na parte superior direita da página para entrar em contato com o autor do texto.
2 - Entretanto, de acordo com a lei 9.610/98, art. 46, não constitui ofensa aos direitos autorais a citação de passagens da obra para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor (Tiago Saad Morlin) e a fonte www.jurisway.org.br.
3 - O JurisWay não interfere nas obras disponibilizadas pelos doutrinadores, razão pela qual refletem exclusivamente as opiniões, ideias e conceitos de seus autores.

Nenhum comentário cadastrado.



Somente usuários cadastrados podem avaliar o conteúdo do JurisWay.

Para comentar este artigo, entre com seu e-mail e senha abaixo ou faço o cadastro no site.

Já sou cadastrado no JurisWay





Esqueceu login/senha?
Lembrete por e-mail

Não sou cadastrado no JurisWay




 
Copyright (c) 2006-2018. JurisWay - Todos os direitos reservados