JurisWay - Sistema Educacional Online
 
Kit com 30 mil modelos de petições
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Eventos
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 

Você utiliza smartphone no Trabalho?


Autoria:

Raphael M. Baccaro. Rodrigues


Cursando direito, turma do 10° ciclo na Faculdade Doutor Francisco Maeda (FAFRAM), cidade de Ituverava.

envie um e-mail para este autor

Outros artigos do mesmo autor

Aposentadoria por tempo de contribuição e o fator previdenciário.
Direito Previdenciário

Medidas cautelares do processo penal
Direito Processual Penal

Outros artigos da mesma área

MEIO AMBIENTE E SAÚDE DO TRABALHO - Trabalhadores de frigoríficos e Norma Regulamentadora 36 em alusão ao documentário "Carne e Osso"

Os aplicativos eletrônicos e a necessidade de análise do caso concreto sob a ótica das leis trabalhistas

Responsabilidade Civil e a Prestação de Serviços - implicações trabalhistas

TERCEIRIZAÇÃO: ENTRE A MODERNIZAÇÃO DA EMPRESA E A PRECARIZAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE TRABALHO

Indenização por danos morais - A Justiça do Trabalho agora é competente para julgar Ação de Dano Moral Trabalhista

A COMPENSAÇÃO DO DANO MORAL IN NATURA NA JUSTIÇA DO TRABALHO

OS SINDICATOS E O DIREITO COLETIVO DO TRABALHO

Hipóteses de não incidência da multa do artigo 477, § 8º, da CLT

Dos efeitos da submissão das demandas trabalhistas as Comissões de Conciliação Prévia - CCP

SALARIO COMPLESSIVO

Mais artigos da área...

Resumo:

Este pequeno artigo busca elucidar a questão da utilização de aparelhos tecnológicos no ambiente de trabalho, principalmente os smartphones, que são uma ferramenta recorrente no cotidiano de muitos trabalhadores e empregadores.

Texto enviado ao JurisWay em 17/02/2016.

Última edição/atualização em 20/02/2016.



Indique este texto a seus amigos indique esta página a um amigo



Quer disponibilizar seu artigo no JurisWay?

            A maioria das pessoas, tanto empregado como empregador, não têm conhecimento suficiente sobre a regulamentação do uso de aparelhos celulares no ambiente de trabalho. Em se tratando da legislação trabalhista, realmente não existem regras específicas sobre o assunto. Mas, as empresas estão completamente autorizadas a emitir normas internas (regulamentos) para que a utilização desses aparelhos seja restrita. Ainda assim, a empresa deve tomar alguns cuidados, como, por exemplo, informar no ato da contratação que as regras que restringem o uso existem, para que o funcionário possa tomar ciência de todas as limitações do regulamento. Nestes casos, havendo desobediência de forma repetida, por parte do empregado, poderá acarretar demissão por justa causa.

            Mas, tanto o recém-contratado como o empregador, na falta de regulamento específico, devem entrar em um consenso, um acordo, para que a atividade que precisa ser exercida não fique prejudicada e o funcionário possa utilizar esses aparelhos de forma adequada. Por fim, não se pode esquecer que acima de tudo existe uma relação entre pessoas e, assim sendo, é preciso que haja uma visão ética, um bom senso, para que não exista uma repressão excessiva por parte da empresa e nem mesmo uma conduta negligente por parte do empregado. Pois, a utilização de smartphones deve ter local e hora certa.

Importante:
1 - Conforme lei 9.610/98, que dispõe sobre direitos autorais, a reprodução parcial ou integral desta obra sem autorização prévia e expressa do autor constitui ofensa aos seus direitos autorais (art. 29). Em caso de interesse, use o link localizado na parte superior direita da página para entrar em contato com o autor do texto.
2 - Entretanto, de acordo com a lei 9.610/98, art. 46, não constitui ofensa aos direitos autorais a citação de passagens da obra para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor (Raphael M. Baccaro. Rodrigues) e a fonte www.jurisway.org.br.
3 - O JurisWay não interfere nas obras disponibilizadas pelos doutrinadores, razão pela qual refletem exclusivamente as opiniões, ideias e conceitos de seus autores.

Nenhum comentário cadastrado.



Somente usuários cadastrados podem avaliar o conteúdo do JurisWay.

Para comentar este artigo, entre com seu e-mail e senha abaixo ou faço o cadastro no site.

Já sou cadastrado no JurisWay





Esqueceu login/senha?
Lembrete por e-mail

Não sou cadastrado no JurisWay




 
Copyright (c) 2006-2021. JurisWay - Todos os direitos reservados