JurisWay - Sistema Educacional Online
 
É online e gratuito, não perca tempo!
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 

Feminismo


Autoria:

Murilo Ribeiro Silva


Direito, pelo Centro Universitário de Mineiros - UNIFIMES.

envie um e-mail para este autor

Resumo:

Opinião sobre o Feminismo.

Texto enviado ao JurisWay em 05/06/2015.

Última edição/atualização em 09/06/2016.



Indique este texto a seus amigos indique esta página a um amigo



Quer disponibilizar seu artigo no JurisWay?

Ultimamente está em alta um assunto polêmico: Feminismo. Diante de tantas incoerências ditas por alguns homens, e até algumas mulheres, resolvi me manifestar (mesmo que esse texto não seja lido por mais que meia dúzia de pessoas).

Primeiro de tudo vamos esclarecer as diferenças básicas entre Feminismo e Machismo:
Não são opostos! Enquanto Feminismo é movimento social constante, pela igualdade de direitos entre homens e mulheres, o Machismo é simplesmente o preconceito de gênero, no qual o homem se considera superior à mulher.

Dada essa diferença, vamos evidenciar os opostos de cada um:
Feminismo – Masculinismo
Machismo – Femismo
(Uma breve busca no Google pode te esclarecer a definição de cada um.)
Admito que existem Femistas disfarçadas de Feministas. Mas isso não tira a legitimidade do movimento.

A busca pela Igualdade de Direitos não é a busca pelo fim das diferenças. Nem a igualdade elimina a diferença, nem a diferença exclui a possibilidade de igualdade. “O direito à diferença é o verdadeiro sentido da igualdade” (Rodrigues, 2009).
É tão difícil entender que as mulheres querem apenas ter os mesmos direitos dos homens, respeitando suas diferenças? Na condição de humanos, o que torna uns melhores do que os outros?

A busca pela Igualdade de Direitos não deve ser exclusivamente da mulher. Mulheres, saibam que existem homens pró-Feministas na luta pela causa.

Não desistam, persistam.

Importante:
1 - Conforme lei 9.610/98, que dispõe sobre direitos autorais, a reprodução parcial ou integral desta obra sem autorização prévia e expressa do autor constitui ofensa aos seus direitos autorais (art. 29). Em caso de interesse, use o link localizado na parte superior direita da página para entrar em contato com o autor do texto.
2 - Entretanto, de acordo com a lei 9.610/98, art. 46, não constitui ofensa aos direitos autorais a citação de passagens da obra para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor (Murilo Ribeiro Silva) e a fonte www.jurisway.org.br.
3 - O JurisWay não interfere nas obras disponibilizadas pelos doutrinadores, razão pela qual refletem exclusivamente as opiniões, ideias e conceitos de seus autores.

Nenhum comentário cadastrado.



Somente usuários cadastrados podem avaliar o conteúdo do JurisWay.

Para comentar este artigo, entre com seu e-mail e senha abaixo ou faço o cadastro no site.

Já sou cadastrado no JurisWay





Esqueceu login/senha?
Lembrete por e-mail

Não sou cadastrado no JurisWay




 
Copyright (c) 2006-2019. JurisWay - Todos os direitos reservados