JurisWay - Sistema Educacional Online
 
JurisWay - Produção de Textos com Certificado
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 

É proibido resmungar!


Autoria:

Icaro Stuelp


Graduado em Direito pela Univali (Itajaí-2010); Cursando Pós Graduação em Direito do Trabalho (LFG); Curso de Ciência Política (USP); Ética (USP); e atuando na área jurídica, com aprovação no Exame de Ordem em 2011.

envie um e-mail para este autor

Outros artigos do mesmo autor

Teoria do Ponto de Contato
Filosofia

Benefícios da Consultoria Jurídica Prévia
Desenvolvimento Profissional

Resumo:

Reclamamos muito? De tudo? O que fazer para entender o que acontece? Eis o que sugiro!

Texto enviado ao JurisWay em 03/03/2015.

Última edição/atualização em 20/03/2015.



Indique este texto a seus amigos indique esta página a um amigo



Quer disponibilizar seu artigo no JurisWay?

É proibido resmungar

Já parou para pensar quantas vezes por dia você reclama de algo ou alguma coisa?

E a reclamação é uma constante no nosso dia. Reclamamos do trânsito, das pessoas, da cultura, da falta de cultura, da falta de dinheiro, do trabalho, da política, do calor, do frio... Reclamamos de tudo.

O que reclamar nos traz de bom, efetivamente?

Nada.

É mais fácil saber o que reclamar nos traz de ruim.

Preocupação, hipertensão, raiva, ódio, mediocridade, agonia, depressão, desespero, despreparo, falta, decepção, frustração...

Então para que reclamamos?

Há quem confunda reclamação com insatisfação. A insatisfação é algo necessário. Temos que sempre estar insatisfeitos, positivamente, para não estacionarmos onde estamos e não progredir. Mas a insatisfação positiva não envolve reclamação e ganância. Vamos tratar aqui só da primeira.

Quando começamos a parar de reclamar temos mais tempo. Temos mais tempo para falar com o próximo, para pensar em nós mesmos, para ouvir e observar o que acontece ao nosso redor.

Reclamar não nos tem trazido benefícios, mas não reclamar é visivelmente sadio para o corpo e alma.

Tente fazer a experiência. Comece a perceber suas reclamações e pense antes de reclamar. Quando perceber que for reclamar não reclame. E logo estarás pensando antes de pensar em reclamar. Se algo te incomodar não reclame, pense o porquê aquilo te incomoda e tente analisar se o problema não é a sua percepção do mundo. E se for ou não for simplesmente não reclame.

Já se estabelecia na ordem 34 da sacra Ordem Beneditina, de São Bento:

 

"É proibido resmungar."

Importante:
1 - Conforme lei 9.610/98, que dispõe sobre direitos autorais, a reprodução parcial ou integral desta obra sem autorização prévia e expressa do autor constitui ofensa aos seus direitos autorais (art. 29). Em caso de interesse, use o link localizado na parte superior direita da página para entrar em contato com o autor do texto.
2 - Entretanto, de acordo com a lei 9.610/98, art. 46, não constitui ofensa aos direitos autorais a citação de passagens da obra para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor (Icaro Stuelp) e a fonte www.jurisway.org.br.
3 - O JurisWay não interfere nas obras disponibilizadas pelos doutrinadores, razão pela qual refletem exclusivamente as opiniões, ideias e conceitos de seus autores.

Nenhum comentário cadastrado.



Somente usuários cadastrados podem avaliar o conteúdo do JurisWay.

Para comentar este artigo, entre com seu e-mail e senha abaixo ou faço o cadastro no site.

Já sou cadastrado no JurisWay





Esqueceu login/senha?
Lembrete por e-mail

Não sou cadastrado no JurisWay




 
Copyright (c) 2006-2017. JurisWay - Todos os direitos reservados