JurisWay - Sistema Educacional Online
 
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Fale Conosco
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
 Defesa do Consumidor
 

Principais cuidados ao aderir a um consórcio

Os cuidados que o consumidor deve adotar ao aderir a um gupo de consórcio para aquisição de bens.

Texto enviado ao JurisWay em 10/11/2006.

indique está página a um amigo Indique aos amigos

 

 

Antes de aderir a um grupo de consórcio, o consumidor deve tomar os seguintes cuidados, entre outros:

  • Informar-se junto ao poder judiciário e cartórios de protestos para saber se existem protestos cambiais lavrados ou ações judiciais tramitando contra a administradora do consórcio e seus principais dirigentes;
  • Informar-se junto às entidades e órgãos oficiais de defesa do consumidor sobre a situação jurídica da administradora, sua idoneidade no mercado e se existem ocorrências  ou reclamações registradas contra a administradora ou seu grupo empresarial;
  • Sempre que possível optar por Administradora que possua sede no município de domicílio do consumidor ou em cidade próxima;
  • Ler com atenção todo o contrato de adesão e consultar os profissionais da área sobre os reflexos econômico-financeiros de cada cláusula;
  • Se o grupo estiver em andamento, o consumidor deverá solicitar os extratos da posição financeira do grupo e informar-se e obter, por escrito, a forma e o prazo de pagamento dos débitos remanescentes;
  • Não deve o consumidor se influenciar pelas eventuais ofertas extra-contrato que possam ser asseguradas pelos vendedores, pois serão válidas as condições estabelecidas no contrato de adesão e ou pactuadas em aditivo contratual assinado pelo representante legal da Administradora;
  • Não deve também o consumidor acreditar na existência de cotas com contemplação garantida pois o resultado do sorteio e do lance são de natureza aleatória, impossibilitando qualquer privilégio para consorciados individuais;
  • Efetuar todos os pagamentos em cheque nominal à Administradora ou mediante recibo firmado em papel timbrado e pago nos escritórios da administradora ou em caixa bancário.
  • Verificar se a taxa de adesão está ou será compensada na taxa de Administração;
  • Conferir sempre os valores percentuais da taxa de adesão, taxa de administração, franquia e seguro, para assegurar-se de que compensa aderir a um consórcio.
Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br.

indique está página a um amigo Indique aos amigos

 
 
Copyright (c) 2006-2020. JurisWay - Todos os direitos reservados