Você não está conectado 
Faça o login no JurisWay:





Não tem conta?
Cadastre-se no JurisWay

Esqueceu a senha?
Crie uma nova

Cursos > Língua Portuguesa > Tatiane Santana

Os vícios de linguagem do dia a dia

Embora possa se relativamente comum em outros idiomas, no português do Brasil o uso de "o mesmo" no lugar de nomes e pronomes é considerado indevido e até inconveniente, pois a palavra "mesmo" não é pronome e pertence a diversas categorias gramaticais e seu emprego é absolutamente correto nas seguintes situações:

1. Como adjetivo/pronome (portanto variável), com o sentido de ' exato, idêntico, tal qual, próprio, em pessoa':

a) Foi pelo mesmo caminho.

b) Sou sempre a mesma pessoa.

c) Eles mesmos redigiram o discurso.


 
20
 
Este módulo possui 35 páginas.
Você está na página 20 (57%)

Voltar ao Início do Curso
Você não está logado! Login
Caso queira salvar este curso em seu histórico, faça login no JurisWay e volte ao início do curso.
Quer ir para uma página específica?

Ou veja a estrutura do curso:

Os vícios de linguagem do dia a dia

1,983643E-03s - 1,983643 ms