Você não está conectado 
Faça o login no JurisWay:





Não tem conta?
Cadastre-se no JurisWay

Esqueceu a senha?
Crie uma nova

Cursos > Língua Portuguesa > Tatiane Santana

Dupla Grafia e Dupla Acentuação no Novo Acordo Ortográfico

Então a dupla grafia e a dupla acentuação servem para manter as pronúncias regionais?

Exatamente. Definiu-se que o escopo do acordo é apenas ortográfico, ou seja, as regras estabelecidas definem ou alteram a forma como as palavras são representadas no papel, mas não devem interferir na sintaxe própria utilizada em cada região e nem no significado e pronúncia das palavras.

Como a grafia é um dos critérios para definição da pronúncia da língua portuguesa (e vice-versa), escolher uma das grafias e eliminar ao outra afetaria a pronúncia dessas palavras em determinados países, o que não é o objetivo do acordo.

Assim, a solução mais simples e menos onerosa encontrada foi admitir a dupla grafia / dupla acentuação nesses casos específicos, de forma que os falantes da língua portuguesa possam grafar essas palavras de acordo com a forma em que atualmente são pronunciadas em seus países.
 
9
 
Este módulo possui 18 páginas.
Você está na página 9 (50%)

Voltar ao Início do Curso
Você não está logado! Login
Caso queira salvar este curso em seu histórico, faça login no JurisWay e volte ao início do curso.
Quer ir para uma página específica?

0s - 0 ms