JurisWay - Sistema Educacional Online
 
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
 
 Notícias Jurídicas

Últimas notícias

SPC Brasil condenado por venda de dados de consumidores
TJ-RS - (02/09/2015)

Soropositivo obtém reparação de Igreja por dano moral
TJ-RS - (02/09/2015)

Condomínio não pode exigir retirada de ofurô da varanda de moradores
TJ-GO - (02/09/2015)

Empresa aérea é condenada a indenizar passageiros por atraso em voo de conexão
TJ-DFT - (02/09/2015)

Justiça do Trabalho de Araraquara condena a construtora Odebrecht ao pagamento de indenização de R$ 50 milhões por trabalho escravo e tráfico de pessoas em Angola
TRT - 15ª Região - SP (Campinas) - (02/09/2015)

5ª Turma: quadro de carreira sem homologação do MTE não impede a equiparação salarial
TRT - 2ª Região - SP - (02/09/2015)

Enfam divulga 62 enunciados sobre a aplicação do novo CPC
Conselho Federal da Justiça Federal - (02/09/2015)

Turma considera JT incompetente para julgar ação de diretor de sociedade anônima
TST - (02/09/2015)

Mais notícias do dia...

Certidão negativa da justiça militar pode ser emitida pela internet

Perguntas e Respostas JurisWay
Ferramentas Facebook:
Envie para um amigo:


Ou compartilhe com todos:

Desde o dia 3 de setembro de 2007, as Certidões Negativas da Justiça Militar da União podem ser emitidas pelo site do Superior Tribunal Militar (www.stm.gov.br). O sistema facilita a vida dos  cidadãos civil e militar e dos magistrados que precisam instruir processos com essas informações.

Pelo sistema, são emitidas somente as certidões negativas. Em casos positivos, uma mensagem avisa que os dados são insuficientes e que será necessário o interessado se dirigir ao cartório da Justiça Militar da União.

Antes do sistema, todas as certidões eram emitidas via ofício encaminhado para o cartório. Esse procedimento gerava transtornos, considerando-se  que a Auditoria da 9ª Circunscrição Judiciária Militar, com sede em Campo Grande, atende os Estados de Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Portanto, quando um cidadão do município de Colider, (distante 700 quilômetros da capital Cuiabá), por exemplo, precisasse de uma certidão negativa, teria que se dirigir a Campo Grande para a emissão, o mesmo ocorrendo nas outras circunscrições.

Os crimes militares podem ser cometidos por civis. São casos como, por exemplo, a insubmissão, ou seja, o não comparecimento à convocação militar, ou ainda a agressão de um civil a um sentinela militar. Por questões assim, entre outras dezenas, o cidadão civil responde à Justiça Militar da União. O documento pode ser solicitado aos civis e militares, em casos de ingresso em carreira por concurso público.

Para emitir o documento, é necessário preencher os campos com o nome completo, CPF, data de nascimento e nome completo da mãe. As certidões são garantidas pela Justiça Militar da União, com autenticação de autoridade recebedora, por meio da própria página. Além disso, existe a possibilidade da reimpressão da última Certidão emitida, desde que o prazo de validade do documento não se tenha expirado.

Autoria do Texto: Secretaria de Comunicação Social

Voltar para notícias

Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br.
 
Copyright (c) 2006-2014. JurisWay - Todos os direitos reservados