JurisWay - Sistema Educacional Online
 
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Fale Conosco
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
 Defesa do Consumidor
 

WhatsApp deixa de funcionar em alguns celulares a partir de junho

14/06/2017 Fonte: Veja

Texto enviado ao JurisWay em 19/06/2017.

indique está página a um amigo Indique aos amigos




A companhia informou que o serviço será suspenso para aparelhos com sistema operacional BlackBerry OS, BlackBerry 10, e Nokia Symbian S60

Por Da redação 13 jun 2017, 18h01 - Publicado em 13 jun 2017, 10h05 

O aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp deixará de funcionar em alguns celulares a partir do dia 30 de junho. A companhia informou que o serviço não funcionará nos aparelhos com sistema operacional BlackBerry OS, BlackBerry 10, e Nokia Symbian S60 a partir do fim do mês e recomenda aos usuários que façam a troca dos smartphones por modelos mais atualizados.

O WhatsApp alega que esses sistemas, por serem antigos, têm limitações para o desenvolvimento de novas tecnologias de segurança. A empresa havia anunciado a decisão de suspender o suporte a essas plataformas no início do ano passado, junto com o fim do suporte a versões para outros sistemas operacionais.

Está em estudo também o desligamento da versão do aplicativo para Nokia S40, mas não há previsão de como isso se dará. Outras versões cujo desligamento também foi anunciado – como de Android anteriores a 2.3.3, Windows Phone 7 e iPhone 3GS/iOS6 – ainda não tiveram prazo final estabelecido pela empresa.

Segundo o WhatsApp, a decisão foi “difícil”, mas necessária por conta das mudanças no mercado que fizeram esses dispositivos perderem espaço para outras tecnologias. ” Quando demos início ao WhatsApp em 2009, a maneira com que as pessoas utilizavam smartphones era bem diferente do que é hoje. A App Store da Apple por exemplo, existia há apenas alguns meses. Cerca de 70%dos smartphones vendidos na época, possuíam sistemas operacionais desenvolvidos pela BlackBerry e Nokia”, disse a empresa em seu blog à época.



Para acessar o site Veja, clique aqui.

Nossas notícias são retiradas na íntegra dos sites de nossos parceiros. Por esse motivo, não podemos alterar o conteúdo das mesmas até em casos de erros de digitação.

Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br.

indique está página a um amigo Indique aos amigos

 
 
Copyright (c) 2006-2020. JurisWay - Todos os direitos reservados