JurisWay - Sistema Educacional Online
 
É online e gratuito, não perca tempo!
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
 Dicas para Provas e Concursos
Autoria:

Sérgio Vieira Brandão
Sérgio Vieira Brandão é psicólogo da rede pública de saúde, bacharel em direito, professor, escritor.Autor de diversos livros, tem artigos publicados em jornais e revistas.

envie um e-mail para este autor

Outros artigos do mesmo autor

redação nota dez - dica 02
Língua Portuguesa

vocabulário, aforismos e os concursos
Língua Portuguesa

Dicas de Concursos Língua Portuguesa

redação-dica 01

Ideias básicas para uma redação em concurso.

Texto enviado ao JurisWay em 10/05/2012.

indique está página a um amigo Indique aos amigos

DICAS DE REDAÇÃO

 

A partir dessas dicas gerais iniciaremos uma série de informações para uma redação nota dez, com resolução de provas e orientações essenciais de estrutura e gramática.

 

À procura de uma besta

 

Não se preocupe, prezado concurseiro, as bancas não estão procurando bestas, ao contrário, procuram cabeças pensantes. Exatamente por isso, a redação assume, cada vez mais, papel decisivo na vida de quem pretende ingressar em um serviço público. Escrever com clareza, coesão, dando uma progressão adequada para as ideias representa, além do uso adequado do idioma, a capacidade de raciocínio e organização mental de cada um – capacidades essenciais para quem pretende, mais do que ingressar em um serviço público, tornar-se um grande profissional.

 

Redação em concursos

 

Há quem ensine os mais variados segredos e truques para uma boa redação em concurso; entretanto, conhecimento, sem dúvida, tem sido o elemento fundamental de sucesso.

Conhecimento da estrutura de redação solicitada, conhecimento do tema a ser abordado, conhecimento básico da língua e, fundamental também, conhecimento de alguns elementos essenciais para quem escreve: clareza, objetividade, lógica, humildade, coerência ...

Leia o texto a seguir o texto do Drummond e reflita.

 

“Anúncio de João Alves

 

Figura o anúncio no jornal que o amigo me mandou, e está assim redigido:

 

À PROCURA DE UMA BESTA

 

A partir de 6 de outubro do ano cadente, sumiu-me uma besta vermelho-escura com os seguintes característicos: calçada e ferrada de todos os membros locomotores, um pequeno quisto na base da orelha direita e crina dividida em duas seções em conseqüência de um golpe, cuja extensão pode alcançar de 4 a 6 milímetros, produzido por jumento.

Essa besta, muito domiciliada nas cercanias deste comércio, é muito boa e mansa de sela, e tudo me induz ao cálculo de que foi roubada, assim que hão sido falhas todas as indagações.

Quem, pois, apreendê-la em qualquer parte e a fizer entregue aqui ou pelo menos notícia exata ministrar, será razoavelmente remunerado.

Itambé de Mato Dentro, 19 de novembro de 1899.

                                                                   

(a)    João Alves Júnior

 

55 anos depois, prezado João Alves Júnior, tua besta vermelho-escura, mesmo que tenha aparecido, já é pó no pó. E tu mesmo, se não estou enganado, repousas suavemente no pequeno cemitério do Itambé. Mas teu anúncio continua modelo no gênero, se não para ser imitado, ao menos como objeto de admiração literária.

Reparo antes de tudo na limpeza de tua linguagem. Não escreveste apressada e toscamente, como seria de esperar de tua condição rural. Pressa, não a tiveste, pois o animal desapareceu a 6 de outubro, e só a 19 de novembro recorreste à cidade de Itabira. Antes, procedeste a indagações. Falharam. Formulaste depois o raciocínio: houve roubo. Só então pegaste da pena, e traçaste um belo e nítido retrato da besta.

Não disseste que todos os seus cascos estavam ferrados; preferiste dizê-lo “de todos os seus membros locomotores”. Nem esqueceste esse pequeno quisto na orelha e essa divisão da crina em duas seções, que teu zelo naturalista e histórico atribui com segurança a um jumento.

Por ser “muito domiciliada nas cercanias deste comércio”, isto é, do povoado e sua feirinha semanal, inferiste que não teria fugido, mas antes foi roubada. Contudo, não o afirmas em tom peremptório: “tudo me induz a esse cálculo”. Revelas a prudência mineira, que não avança (ou avançava) aquilo que não seja evidência de si mesma. É cálculo, raciocínio, operação mental e desapaixonada como qualquer outra, e denúncia formal.

Finalmente – deixando de lado outras excelências de tua prosa útil – a declaração positiva: quem a apreender ou pelo menos “notícia exata ministrar”, será “razoavelmente remunerado”. Não prometes recompensa tentadora; não fazes praça de generosidade ou largueza; acenas com o razoável, com a justa medida das coisas, que deve prevalecer mesmo no caso de bestas perdidas e entregues.

Já é muito tarde para sairmos a procura de tua besta, meu caro joão Alves de Itambé; entretanto, essa criação volta a existir porque soubeste descrevê-la com decoro e propriedade, num dia remoto, e o jornal a guardou e alguém hoje a descobre, e muitos outros são informados da ocorrência. Se lesses os anúncios de objetos e animais perdidos, na imprensa de hoje, ficarias triste. Já não há essa precisão de termos e essa graça no dizer, nem essa moderação nem essa atitude crítica. Não há, sobretudo, esse amor com a tarefa bem feita, que se pode manifestar até mesmo num anúncio de besta sumida.”

 

DICAS – aprendendo com o dono da besta

 

Drummond salienta no texto de João Alves algumas características essenciais em um texto: clareza, coesão, coerência:

Limpeza da linguagem – não escreveste apressada e toscamente – (clareza)

Formula raciocínio (coerência )

Infere, sem afirmar peremptoriamente(humildade)

“Se lesses os anúncios de objetos e animais perdidos, na imprensa de hoje, ficarias triste. Já não há essa precisão de termos e essa graça no dizer, nem essa moderação nem essa atitude crítica. Não há, sobretudo, esse amor com a tarefa bem feita, que se pode manifestar até mesmo num anúncio de besta sumida.

 

A REDAÇÃO EM CONCURSOS

 

1)     Quando houver mais de uma prova, inicie pela redação. Faça o rascunho e deixe “repousando” enquanto você resolve a outra prova.

2)     Cuide muito bem que tipo de redação está sendo solicitada.

3)     Planeje a sua redação. Escrever é viajar (ninguém viaja sem fazer um planejamento), mas você não pode ficar “voando” – precisa saber onde quer chegar. Veja as possibilidades que o tema oferece, interprete essas informações e escolha uma via de análise para estruturá-la.

4)     Coloque na introdução aqueles (somente aqueles) argumentos que irá desenvolver. A introdução deve gerar uma expectativa no leitor (e cumprir) e servir de guia a quem escreve.

5)     Não encha linguiça (desenvolva somente o que estiver na introdução).

6)     Não fuja ao tema proposto. Não se desvie do caminho feito a Chapeuzinho Vermelho – seja extremamente fiel ao tema.

7)     No caso de dissertação, prefira a primeira pessoa do plural e não do singular (acreditamos, entendemos, ...). A não ser que seja um caso de depoimento pessoal, comentário crítico ou qualquer uma que exija subjetividade aparente.

8)     Procure ser conciso, lógico e o mais claro possível. Não abra mão da criatividade.

9)     Retome as informações disponíveis e as integre à redação.

10)Conclua acrescentando algo em vez de repetir os argumentos já utilizados.

 

 

 

            Algumas dicas de livros que ajudam a desenvolver a redação:

 

Redação para concursos – Editora SVB – Sérgio Vieira Brandão

Dez Passos Para a Redação Nota Dez – Artes e Ofícios – Sérgio Vieira Brandão

Laboratório do Jovem Escritor (dissertação e redação oficial) – Paulinas – Sérgio Vieira Brandão

Laboratório do Jovem Escritor (Narração e gêneros literáriosl) – Paulinas – Sérgio Vieira Brandão

A redação pelo parágrafo – Editora UnB – Luiz Carlos Figueiredo

Lições de texto: leitura e redação – Editora Ática – Platão et Fiorin

Curso Básico de Redação – Editora Ática – Cláudio Moreno e Paulo Guedes

Criatividade Redação – Edições Loyola – Rubens Marchioni

 

  • Os livros acima podem ser adquiridos pelo site:
  • www.editorasvb.com.br
Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br, e a autoria (Sérgio Vieira Brandão).
2 - O JurisWay não interfere nas obras disponibilizadas pelos doutrinadores, razão pela qual refletem exclusivamente as opiniões, idéias e conceitos de seus autores.

indique está página a um amigo Indique aos amigos

Comentários e Opiniões

1) Raquel (17/06/2012 às 12:58:08) IP: 189.24.73.78
adorei o texto, me ajudou muito pois estava com muitas dúvidas e foi bem esclarecedor.
2) Patricia (12/03/2013 às 15:57:28) IP: 189.125.47.91
Gostei muito. Serve para todas as áreas profissionais e para nossa vida pessoal.


Somente usuários cadastrados podem avaliar o conteúdo do JurisWay.

Para comentar este artigo, entre com seu e-mail e senha abaixo ou faço o cadastro no site.

Já sou cadastrado no JurisWay





Esqueceu login/senha?
Lembrete por e-mail

Não sou cadastrado no JurisWay




 

Institucional

O que é JurisWay
Por que JurisWay?
Nossos Colaboradores
Profissionais Classificados
Responsabilidade Social no Brasil



Publicidade

Anuncie Conosco



Entre em Contato

Dúvidas, Críticas e Sugestões


Wildcard SSL Certificates

Seções

Cursos Online Gratuitos
Vídeos Selecionados
Provas da OAB
Provas de Concursos
Provas do ENEM
Dicas para Provas e Concursos
Modelos de Documentos
Modelos Comentados
Perguntas e Respostas
Sala dos Doutrinadores
Artigos de Motivação
Notícias dos Tribunais
Notícias de Concursos
JurisClipping
Eu Legislador
Eu Juiz
É Bom Saber
Vocabulário Jurídico
Sala de Imprensa
Defesa do Consumidor
Reflexos Jurídicos
Tribunais
Legislação
Jurisprudência
Sentenças
Súmulas
Direito em Quadrinhos
Indicação de Filmes
Curiosidades da Internet
Documentos Históricos
Fórum
English JurisWay



Áreas Jurídicas

Introdução ao Estudo do Direito
Direito Civil
Direito Penal
Direito Empresarial
Direito de Família
Direito Individual do Trabalho
Direito Coletivo do Trabalho
Direito Processual Civil
Direito Processual do Trabalho
Condomínio
Direito Administrativo
Direito Ambiental
Direito do Consumidor
Direito Imobiliário
Direito Previdenciário
Direito Tributário
Locação
Propriedade Intelectual
Responsabilidade Civil
Direito de Trânsito
Direito das Sucessões
Direito Eleitoral
Licitações e Contratos Administrativos
Direito Constitucional
Direito Contratual
Direito Internacional Público
Teoria Econômica do Litígio
Outros



Áreas de Apoio

Desenvolvimento Pessoal
Desenvolvimento Profissional
Língua Portuguesa
Inglês Básico
Inglês Instrumental
Filosofia
Relações com a Imprensa
Técnicas de Estudo


Copyright (c) 2006-2019. JurisWay - Todos os direitos reservados