Perguntas e Respostas sobre Língua Portuguesa - Crase
Em que casos a crase é facultativa?

A "Crase" é facultativa diante dos nomes próprios de pessoas, antes de possessivos e depois da preposição até que antecede substantivos femininos, desde que o termo antecedente reja preposição a:

  • Ofereci um presente a (à) Carolina.
  • O porteiro entregou os papéis a (à) minha secretária.
  • Irei a (à) vila.
  • Enviei flores a (à) Paula.
  • Vou até a (à) escola.
  • Fui até as (às) últimas conseqüências.
  • Não te dirijas a (à) tua terra nem a (à) minha.
  • Até a (à) praia.

Se o “a” antes de “que” significar aquela, aquelas, o a poderá ter crase:

  • Não me refiro a esta pessoa, mas sim à que esteve aqui hoje.

Para mais informações, acesse o curso gratuito: 
Crase: regras práticas para não errar




Achou esta página útil? Então....

Curta ou Compartilhe com os amigos:

Recomende ao Google:

Conte aos seus seguidores:

indique esta página a um amigo Indique aos amigos



Os conteúdos do site podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citado o nome do autor (quando disponível) e incluído um link para o site www.jurisway.org.br.


Comentários