Perguntas e Respostas sobre Língua Portuguesa - Regência Verbal
Qual é a regência do verbo "Atender"?

O verbo "Atender" pode ser:
Intransitivo:

  • Já toquei a campainha, mas ninguém atende.
  • Aquele advogado atende muito bem.

Transitivo Indireto no sentido de levar em consideração o que alguém diz:

  • Atenda ao que lhe digo.
  • “Não atendera aos amigos, fora entregar-se a impostores” (Graciliano Ramos)

Nos demais sentidos, há controvérsias, havendo quem diga que é facultativo o uso da preposição após o verbo "Atender". Entretanto, prefira seguir a regra a seguir ao redigir seus textos:
Atender alguém - Transitivo Direto (sem preposição):

  • Por que o senhor não atendeu o repórter?
  • A professora atendeu os alunos um por um.

Atender alguma coisa - Transitivo Indireto (preposição a)

  • O novo produto atende às exigências do mercado.
  • atendemos aos apelos dos usuários.

Obs.: Atender não aceita, como complemento, o pronome lhe(s), exigindo o(s) e a(s).

  • O chefe o atenderá mais cedo.
  • Nossa secretária já recebeu os pedidos e os atenderá amanhã.

Mais informações sobre esse assunto acesse os cursos gratuitos:

Regência Verbal - Entenda

Regência Verbal - Exemplos (verbos de A a G)

Regência Verbal - Exemplos (verbos de I a Z)





Achou esta página útil? Então....

Curta ou Compartilhe com os amigos:

Recomende ao Google:

Conte aos seus seguidores:

indique esta página a um amigo Indique aos amigos



Os conteúdos do site podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citado o nome do autor (quando disponível) e incluído um link para o site www.jurisway.org.br.


Comentários