JurisWay - Sistema Educacional Online
 
É online e gratuito, não perca tempo!
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
 Notícias Jurídicas

Últimas notícias

Procon-MG promove evento Procon-MG fala com Você - Precificação
Eventos - (01/08/2019)

Procon-MG promove 22º Encontro sobre Consumo e Regulação - Boas Práticas na Revenda de Produtos Cárneos
Eventos - (24/04/2019)

Procon-MG promove 7ª Edição do Momento educAtivo com o tema "O que o consumidor deve saber na hora de contratar um empréstimo?"
Eventos - (25/03/2019)

Procon-MG promove 21º Encontro sobre Consumo e Regulação - Proteção de Dados Pessoais e Defesa do Consumidor
Eventos - (20/03/2019)

Procon-MG promove evento no Dia Mundial de Defesa do Consumidor
Eventos - (07/03/2019)

Procon-MG promove Encontro sobre Capacitação em Publicidade de Alimentos e Direitos do Consumidor
Eventos - (25/11/2018)

Procon-MG promove evento sobre boas práticas de preparo e venda de alimentos ao consumidor
Eventos - (15/11/2018)

Procon-MG promove 6ª Edição do Momento educAtivo, dessa vez com o tema "A liberdade de escolha do consumidor sob a perspectiva comportamental"
Eventos - (02/10/2018)

Mais notícias do dia...

Ana Amélia insiste em debate com Graça Foster sobre situação da Petrobras

Senado Federal - 15/02/2013

Perguntas e Respostas JurisWay
Ferramentas Facebook:
Envie para um amigo:


Ou compartilhe com todos:

A senadora Ana Amélia (PP-RS) voltou a defender o comparecimento ao Congresso da presidente da Petrobras, Graça Foster, para esclarecer a situação da empresa. Para a senadora, as notícias de que a companhia estaria vendendo seus ativos na Argentina pode ser mais um indício das dificuldades enfrentadas pela Petrobras. Ana Amélia apresentou no início do mês um requerimento para que a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE) convide Graça Foster para uma audiência pública.

- Espero que meu requerimento seja apreciado na primeira reunião deliberativa da CAE, que será presidida por Lindbergh Farias (PT-RJ) - declarou nesta sexta-feira (15).

Assim como fez na semana passada, Ana Amélia frisou que os esclarecimentos a serem feitos - que também envolvem temas como as políticas de preços e de investimentos da estatal - são fundamentais para os acionistas minoritários. Ela lembrou que nesse grupo há muitos trabalhadores brasileiros que utilizaram recursos do FGTS para comprar ações da Petrobras.

- Essas pessoas correm o risco de ver sua poupança se esvair pelo ralo devido ao mau desempenho da companhia - alertou a senadora, ressaltando que não se tem notícia de que as petroleiras ao redor do mundo estejam passando por dificuldades.

Para Ana Amélia, há desajustes na estatal, provocados por interesses políticos ou do governo federal. Um exemplo, citou ela, seria a decisão de adiar reajustes nos preços de combustíveis.

- Mas uma empresa de capital aberto tem de trabalhar de acordo com as norma de mercado, tem de responder também perante os acionistas minoritários, e não apenas se submeter aos interessse dos acionistas majoritários - argumentou.

Na semana passada, além de Ana Amélia, o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) alertou para os problemas enfrentados pela Petrobras. Ele disse que o resultado fiscal da estatal no ano passado foi infeliz e absolutamente constrangedor.

Agência Senado

Voltar para notícias

Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br.
 
Copyright (c) 2006-2019. JurisWay - Todos os direitos reservados