JurisWay - Sistema Educacional Online
 
Será o fim do JurisWay?
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
Avaliação
do curso:
812 internautas
Compartilhe este curso com seus amigos:

Facebook:


Twitter:


Google+ (Plus):


Alguns Comentários
10
13/09/2015
23:14:29
parabéns, curso muito bom.
bom seria se pudesse fazer mais de um modulo por Dia.

10
01/04/2017
21:11:08
Muito bom, é uma teoria pratica.

10
26/07/2016
18:48:31
Não se limitou apenas a apontamentos das novidades, mas tratou da linha do tempo por completo.

8
22/09/2016
13:33:13
ww

9
21/01/2016
03:32:44
S.M.J, pedindo desculpas, ao que me parece houveram dois equívocos no item 2.3 - NCPC - Artigos 318 a 332:
01 - Na página 14 existe a seguinte afirmação: "O art. 320 não alterou, mantendo a mesma redação do antigo 273 do CPC de 1973. ....". Quero crer que o artigo do CPC de 1973 é o 283 e não o 273;
02 - Na página 42 existe a seguinte afirmação: "Se houver apelação, o juiz poderá se retratar em cinco dias (art. 332, §3º do NCPC). Se o juiz se retratar, o processo segue e o réu é citado para comparecer para contrarrazoar em 15 dias. Se houver apelação, o juiz poderá se retratar em cinco dias (art. 332, §3º do NCPC). Se o juiz se retratar, o processo segue e o réu é citado para comparecer para contrarrazoar em 15 dias (art. 332, §4º do NCPC). ". Acredito que o correto é se houver apelação, o juiz poderá se retratar em cinco dias (art. 332, §3º do NCPC). Se o juiz se retratar, o processo segue e se o juiz não se retratar, determinará a Citação do réu para apresentar contrarrazões, no prazo de 15 (quinze) dias (art. 332, §4º do NCPC).


7
10/07/2015
22:13:37
Numa das páginas em que o assunto era a petição inicial, foi feito um paralelo com o art. 273 do CPC de 1973, quando o correto era o art. 283.
Na página referente ao § 4º ao art. 332, o comentário saiu truncado, eis que condensou duas hipóteses diversas numa só: "Se o juiz se retratar, o processo segue e o réu é citado para comparecer para contrarrazoar em 15 dias (art. 332, §4º do NCPC)."
Alguns dispositivos mereciam um maior desenvolvimento, como por exemplo, o parágrafo único do art. 325, que sugere que o juiz pode conceder pedido diverso daquele formulado pelo autor.
Também seria interessante um comentário sobre o § 3ºdo art. 331. Se a petição inicial é indeferida de plano, o processo é extinto sem resolução do mérito e, por conseguinte, não há formação da coisa julgada. Por que, então, intimar o réu? Salvo engano, tal intimação só se faria necessária na hipótese do § 2º do art. 332, pois, neste caso, há resolução do mérito e formação da coisa julgada.
Por fim, sem desmerecer o bom trabalho apresentado, creio que o resultado seria melhor se determinados artigos (não todos) fossem ilustrados com exemplos de situações práticas em que seriam aplicados.
Grato pelo curso.
Cordialmente,

Luis Carlos Moschini
luismoschini [at] gmail.com

10
13/07/2017
09:44:18
CONTEÚDO CLARO!

10
09/03/2017
15:51:26
Comentários esclarecedores dos artigos trabalhados.

 Cursos Gratuitos Online JurisWay
Você está acessando o JurisWay como visitante.

Se quiser, identifique-se acima com email e senha
para salvar este curso em seu histórico.

Principais alterações do Novo Código de Processo Civil - artigos 318 a 332



Veja também
outros cursos de
Direito Processual Civil

» Como funcionam os atos processuais?
» Da Ação
» Processo e procedimento: saiba o que cada um significa e objetiva
» A prova no Processo Civil
» Como funciona uma audiência
» A resposta do réu - Como elaborar uma exceção?
» Como proceder em uma Ação monitória
» A resposta do réu - Como elaborar uma reconvenção?
» Sentença: porque esta decisão é tão almejada por todos?
» Uma questão de competência!
» O que são Embargos de Declaração?
» Apontamentos sobre as alegações finais
» Anotações sobre a ação de prestação de contas
» Juizado Especial Cível
» O Princípio do Devido Processo Legal
» Multa cominatória - Astreintes
» Algumas críticas ao funcionamento do Juizado Especial Cível
» Considerações sobre o litisconsórcio
» Ação de nunciação de obra nova: uma forma de reação
» Ação Declaratória
» Custas judicias e Gratuidade
» Como funciona a Ação de Exibição?
» Medidas de Urgência - Parte I: Antecipação de Tutela
» Medidas de Urgência Parte II - Liminar
» Medidas de Urgência - Parte III: Distinções entre Liminar e Antecipação
» Ação de consignação em pagamento
» A responsabilidade patrimonial na ação de execução
» Conhecendo o procedimento cautelar
» O que é apelação?
» Teoria Geral dos Recursos Cíveis
» Intervenção de terceiros: oposição
» O que é recurso adesivo?
» Medida Cautelar - Arresto
» Medida Cautelar - Caução
» Procedimentos Especiais - Embargos de Terceiro
» Procedimentos Especiais
» Medida Cautelar - Produção Antecipada de Provas
» Medida Cautelar - Busca e Apreensão
» Intervenção de terceiros: nomeação à autoria
» Medida Cautelar - Atentado
» Medida Cautelar - Posse em Nome do Nascituro
» Medida Cautelar - Seqüestro
» Protesto, Notificação, Interpelação.
» Títulos - Protesto e Apreensão e outras Medidas Cautelares
» Justificação
» A impugnação no cumprimento de sentença
» Medidas Cautelares: Alimentos Provisionais e Arrolamento de bens
» Ação de divisão e da demarcação de terras particulares
» Petição Inicial I- Primeiro passo
» Petição Inicial II - Desenvolvimento
» Petição Inicial III - Finalizando a peça
» Petição Inicial e seus Trâmites
» O que é revelia?
» Modalidades de defesa do executado - Parte I
» Modalidades de defesa do executado - Parte II
» Ação de Execução
» Embargos do devedor
» Apontamentos sobre as formas de expropriação
» Introdução ao processo de execução
» A penhora
» Apontamentos sobre a ação rescisória
» Os títulos executivos judiciais
» Recursos- Conceito e classificação
» Requisitos de admissibilidade de um recurso
» Agravo I- Modalidade: Retido
» Agravo II- Modalidade: Instrumento
» Embargos Infringentes
» O que são Embargos de Divergência?
» Recurso Ordinário
» Incidente de Uniformização de Jurisprudência e as Súmulas
» Recurso Extraordinário e Recurso Especial
» Cumprimento de sentença
» Procedimento comum no Novo Código de Processo Civil: parte II
» Procedimento comum no Novo Código de Processo Civil: parte III
» Petição Inicial no Novo Código de Processo Civil- Parte I
» Petição Inicial no Novo Código de Processo Civil- Parte II
» Petição Inicial no Novo Código de Processo Civil- Parte III
» Petição inicial e seus trâmites no Novo Código de Processo Civil - Parte I
» Petição inicial e seus trâmites no Novo Código de Processo Civil - Parte II
» Contestação no Novo Código de Processo Civil - Parte I
» Contestação no Novo Código de Processo Civil - Parte II
» Contestação no Novo Código de Processo Civil - Parte III
» Reconvenção no Novo Código de Processo Civil
» Revelia no Novo Código de Processo Civil
» Das providencias preliminares no Novo Código de Processo Civil
» Do saneamento do processo no Novo Código de Processo Civil
» Audiência de Instrução e Julgamento no Novo Código de Processo Civil
» Aspectos gerais do Novo Código de Processo Civil - Lei nº 13.105/15
» Teoria Geral dos Recursos Cíveis de acordo com o Novo Código de Processo Civil - Parte I
» Teoria Geral dos Recursos Cíveis de acordo com o Novo Código de Processo Civil - Parte II
» Requisitos de admissibilidade de um recurso de acordo com o Novo Código de Processo Civil
» Recursos - Conceitos e classificações de acordo com o Novo Código de Processo Civil
» Disposições gerais dos recursos cíveis no Novo Código de Processo Civil
» Embargos de Declaração no Novo Código de Processo Civil
» Recurso de Apelação no Novo Código de Processo Civil
» Agravo de Instrumento no Novo Código de Processo Civil
» Recurso Ordinário no Novo Código de Processo Civil
» Agravo Interno no Novo Código de Processo Civil
» Recurso Extraordinário e Recurso Especial no Novo Código de Processo Civil
» Agravo em Recurso Especial e Extraordinário do Novo Código de Processo Civil
» Embargos de Divergência no Novo Código de Processo Civil

Veja também:

» Cursos Jurídicos

» Cursos de Português

» Cursos de Desenvolvimento Pessoal

Copyright (c) 2006-2019. JurisWay - Todos os direitos reservados