Prova Concurso Público - TRE/SE - Analista judiciário - Área Judiciária - Novembro/2015 - FCC - (Gabarito Definitivo)

Dificuldade Média
(30% a 60% de acertos)

Até agora, cerca de 52% acertaram esta questão.

386 pessoas responderam.

Normas Aplicáveis aos Servidores Públicos Federais


16ª Questão:

João, servidor público e chefe de determinada repartição, em razão de circunstâncias de índole social, delegou ao seu subordinado, Elias, a edição de atos de caráter normativo, evitando, assim, prejuízos aos administrados. A propósito do tema e nos termos da Lei no 9.784/1999, a conduta de João está



a) incorreta, pois a matéria em questão não pode ser objeto de delegação.

202 marcações (52%)
b) correta, sendo possível a delegação no caso narrado.

65 marcações (17%)
c) correta, haja vista que, independente de ser possível ou não a delegação, deve sempre prevalecer o interesse dos administrados.

27 marcações (7%)
d) incorreta, pois a delegação não é transferida a subordinados.

35 marcações (9%)
e) incorreta, pois circunstâncias de índole social não justificam a delegação em nenhuma hipótese.


57 marcações (15%)


Lembre-se: Salvo disposição em contrário, as questões e o gabarito levam em consideração a legislação em vigor à época do edital desta prova, que foi aplicada em Novembro/2015.