Prova Concurso Público - MTE/BR - Auditor Fiscal do Trabalho - Dezembro/2003 - ESAF

Questão Fácil
(acima de 60% de acertos)

Até agora, 72% acertaram esta questão.

801 pessoas responderam.

Ética na Administração Pública


34ª Questão:

Nos termos da Lei de Improbidade Administrativa (Lei nº 8.429/92), na fixação das penas previstas, o Juiz levará em conta:

a) a escolaridade do réu.

20 marcações (2%)
b) a natureza e hierarquia do cargo exercido.

82 marcações (10%)
c) o meio utilizado para a lesão ao patrimônio público.

71 marcações (9%)
d) a extensão do dano causado.

574 marcações (72%)
e) o reconhecimento da culpa pelo réu.

54 marcações (7%)


Lembre-se: Salvo disposição em contrário, as questões e o gabarito levam em consideração a legislação em vigor à época do edital desta prova, que foi aplicada em Dezembro/2003.