O que fazer quando o amor vira obsessão? Parte 2
Legendas Duplas para aperfeiçoar seu inglês



Achou esta página útil? Então...
Curta ou Compartilhe com os amigos:
Conte aos seus seguidores:

Obs: O tocador de vídeos usado nesta página é disponibilizado por um site parceiro, o Inglês Mundial Clube, que usa um player com vários recursos, como legendas duplas, avanço e retrocesso verso a verso, loop em cada verso, alteração de velocidade de reprodução simplificada etc. Para ver outras matérias baseadas em vídeos em inglês com legendas duplas e saber mais sobre o projeto, acesse o link Inglês com Legendas Duplas no JurisWay.

Acompanhe o desenrolar da história fictícia de amor e obsessão entre João e Maria
(e alguns novos personagens)




Muitos de vocês acompanharam a história de João e Maria e estão curiosos para saber o que aconteceu depois.

Mas, com certeza, alguns de vocês não viram o episódio anterior. Para vocês, sugiro que usem o link abaixo para acessá-lo antes de continuar, pois o conteúdo dessa página pode não fazer muito sentido sem ter conhecimento do que aconteceu antes:

Quando o amor vira obsessão - Parte 1

E para quem já está ansioso, lá vai a continuação da trama.

Mas lembre-se: os vídeos são meramente ilustrativos, e a história aqui contada foi montada a partir de pedaços de realidades existentes, mas todos fora de contexto e, portanto, a narrativa não tem qualquer relação com uma história real. Após deixar isso bem claro, podemos continuar.

Depois do sucesso meteórico com sua música, a vida de João deu uma reviravolta. Passava todo o tempo compondo novas músicas, ensaiando com a banda e fazendo shows. Nem se quisesse ele teria tempo de se lembrar de Maria. Sua carreira deslanchou e até agora ainda faz muito sucesso. Emplacou várias outras músicas, mas ainda hoje uma de suas músicas mais tocadas é a que fez para Maria.

Se fosse entrevistado alguns anos depois, diria algo assim:


Com o sucesso de João, Maria começou a ficar aos poucos mais tranquila, afinal, a partir de então, era ela quem acompanhava a vida de João pelos os noticiários. Show na cidade tal, entrevista na TV, turnê pelo país... Era humanamente impossível que ele mantivesse a fixação por ela fazendo tantas outras coisas. Além do mais, algum tempo depois João já aparecia na mídia com um novo amor.

E assim, Maria acabou retomando sua vida normal. Aos poucos, começou a perder completamente o medo de se conectar a outras pessoas novamente. Aliás, percebia isso como uma necessidade. Passou a fazer parte de grupos, comunidades, fazer trabalhos voluntários... E levou isso tão a sério que se tornou uma palestrante de sucesso, que falava para centenas de pessoas sem qualquer constrangimento. Maria abriu uma empresa, montou uma equipe e fez disso sua profissão. Ela encantava a todos que viam suas palestras.

E encantou também um de seus funcionários, chamado Lucas.

Lucas era um cara mais tímido, que via Maria como uma deusa, tanto pela sua beleza quanto pela sua desenvoltura ao lidar com as pessoas. E tinha a impressão que Maria olhava para ele de um jeito diferente, achava que ela sentia alguma coisa por ele, mas não tinha coragem de se declarar. E foi alimentando um amor platônico por Maria durante muito tempo, e fazendo cada vez mais parte de sua vida.

A todo instante, Lucas tentava chamar a atenção e provar o seu amor e dedicação a Maria, mas ela o via apenas como um bom funcionário e, no máximo, um bom amigo. Ela não notava nada, nem mesmo quando ele demonstrava ciúmes quando ela conversava com outros homens.

E Maria, mesmo sem perceber, estava cada vez mais deixando que Lucas aprofundasse seu sentimento por ela, e os dois estavam ficando cada vez mais ligados.

É impressionante como alguns ditados populares muitas vezes funcionam de verdade... Dizem que certas coisas acontecem com certas pessoas. Dizem que muitas vezes a história se repete. E dizem também que depois de findo um relacionamento, tendemos a nos relacionar com pessoas que nos proporcionem realidades semelhantes às anteriores.

Um dia, depois de uma das palestras, toda a equipe saiu para comemorar o sucesso de público e, depois de beber alguns drinks, Lucas e Maria acabaram ficando sozinhos. Então, Lucas começou a se aproximar, aproximar, aproximar e, percebendo que Maria não se afastou, tomou coragem e a beijou.

Maria, ainda meio atordoada pela atitude inesperada de Lucas e pelo efeito das bebidas que havia tomado, acabou não reagindo e deixando rolar. Depois, Lucas se ofereceu para levá-la em casa, mas ela disse que não era uma boa ideia, que preferia pegar um taxi, e cada um seguiu seu caminho. Maria achou ter deixado claro que havia dado um ponto final no assunto ao rejeitar a carona, mas na cabeça de Lucas, ela só estava com medo por ele ter bebido um pouco mais do que era aceitável para dirigir e não deu maior importância à negativa.

No dia seguinte, Maria fingiu que nada havia acontecido e tentou esquecer o ocorrido, seguindo a vida sem se comprometer com Lucas. Mas para Lucas, que há muito tempo vivia a ilusão de ser o par de Maria, a situação já havia se consolidado. E apesar de Maria sempre evitar ficar sozinha com ele, mais do que nunca ele achava que o amor que ele sentia por ela era recíproco.

Lucas tentava cada vez mais tomar espaço na vida de Maria, e ela, que a essa altura já percebia as intenções de Lucas, sem querer machucá-lo, pois gostava dele como amigo, acabava deixando as coisas acontecerem, evitando apenas que um novo encontro amoroso acontecesse entre os dois.


Até que um dia Maria conheceu um outro cara, Marcelo, por quem se sentiu extremamente atraída. Começaram a sair e a namorar. O relacionamento deu tão certo que em poucas semanas os dois passaram a morar juntos. E isso despertou um ciúme doentio em Lucas, que começou a ficar extremamente agressivo com Maria.

Maria tentou conversar com Lucas, explicar que tudo não passou de um mal entendido, que a relação dos dois era apenas profissional... Mas Lucas não entendeu. Disse que havia se entregado a ela de corpo e alma. Ela o demitiu. E ele, revoltado com tudo, enfatizava o quão injusta ela estava sendo com ele.

Maria se sentia extremamente culpada por deixar as coisas chegarem ao ponto que chegaram, e não sabia como lidar com Lucas. Também morria de medo de que Lucas tentasse tirar satisfações com Marcelo. E, mais uma vez, a solução que encontrou foi fugir. Convenceu Marcelo de que para crescer ela precisava se mudar para uma cidade maior e Marcelo, que na época também não tinha um emprego fixo, acabou concordando.

Mais uma vez, Maria saiu sem deixar referências. E segura de que isso resolveria o problema, seguiu sua vida com Marcelo, se estabeleceu na nova cidade, teve filhos e se esqueceu completamente de Lucas.

Até que um dia Maria recebeu uma mensagem de texto em seu telefone. Era de um número não rastreável. A mensagem dizia apenas:

“Sua vida como você a conhece nunca mais será a mesma.”

E enquanto olhava insistentemente para essas 11 palavras em seu telefone, uma de suas funcionárias perguntou alguma coisa sobre a próxima palestra mas...

♪ ... Maria, meio tonta, só pensava em ir pra casa... ♫

Então, pediu desculpas, disse que não estava passando bem e foi embora.

♪ ... Chegando em casa então ela chorou e pro inferno ela foi pela segunda vez... ♫

Pegou o telefone novamente, na esperança da mensagem nunca ter existido, mas ela continuava lá.

♪ ... Essas palavras vão entrar no coração... eu vou sofrer as consequências como um cão... ♫

Maria já imaginava quem teria mandado a mensagem, e ficava pensando o que Lucas estava cantando pensando:

♪ ... Com minha Maria esse Marcelo se casou, e um filho nela ele fez... ♫

E, tomada por um profundo desespero, ela desabou em lágrimas, já imaginando o desfecho da história:

♪ ... Agora Lucas era só ódio por dentro e então... ♫

Bom... A partir daqui, acho que é melhor que ela mesmo conte o que aconteceu:


Maria conseguiu superar seus problemas e parece que seu relacionamento atual não tem mais as mesmas características dos anteriores. Mas nem sempre isso acontece. Assim, é bom saber o que fazer no caso do “Stalker” insistir em suas investidas. Nos Estados Unidos, há leis específicas criminalizando o Stalking.

Veja uma entrevista com uma ex promotora de Los Angeles falando sobre o assunto:


Quem não fica horrorizado ao ouvir sobre essas atitudes obsessivas de quem pratica o Stalking? Basta aparecer uma notícia sobre o assunto para ver as redes sociais pipocarem com julgamentos precipitados.

Entretanto, antes de julgar, temos que nos lembrar de que pode ser que a história que chega aos nossos ouvidos não seja exatamente aquela que corresponde à realidade. Veja o que diz um advogado americano especializado na defesa de acusados de Stalking:


Você reparou que ele falou sobre a lista de Megan... Sobre o registro de ofensores sexuais... Já falamos sobre isso algum tempo atrás no post sobre Crimes Sexuais nos EUA, lembra? Mas depois você volta lá e vê. Fique aqui mais um pouco, pois não acabou ainda.

E sobre o Stalking no Brasil, você já pesquisou?

O que se tem por aqui são algumas previsões legais que podem ser adaptadas para abranger parte do que chamamos de “Stalking”, como o crime de Ameaça previsto no Código Penal e as contravenções de Perseguição Insidiosa e a Perturbação do Sossego previstas na Lei de Contravenções Penais. Há também legislação mais recente, com a Lei Maria da Penha, que prevê alguns mecanismos para tentar coibir a violência contra a mulher.

Mas ainda estamos engatinhando no tema, e ainda não foi criada uma legislação abrangente e específica para o “Stalking”, apesar de já existirem projetos de lei nesse sentido desde 2009.

Bom, para continuar discutindo o crime de Stalking no Brasil, você pode usar os comentários abaixo. Afinal, estamos no JurisWay.

Mas que tal treinar mais um pouco o inglês agora?

Sabe-se que dentre as pessoas que estão aprendendo o inglês, uma das maiores dificuldades é a fala. Muita gente consegue entender o inglês escrito e alguns conseguem até entender perfeitamente alguém falando em inglês, mas quando chega a hora de falar, a coisa complica.

Assim, a atividade que sugiro agora é usar a sua voz e tentar treinar a pronúncia das palavras. Para isso, o que você acha de cantar a música tema de João? Um karaokê, anima?

Para isso separei um lindo arranjo da música feito por um quarteto de cordas no Reino Unido especializado em músicas para casamentos. Acho que vai servir muito bem para o nosso karaokê. É... Mesmo lá, cuja língua nativa é o inglês, muita gente usa essa música em cerimônias de casamento. Realmente nem todo mundo viu o lado sombrio e obsessivo da letra da música:


E aí, o que achou de tudo o que foi falado? Da entrevista do João (Sting), da palestra da Maria (Robin Brockelsby), das dicas dadas pela ex-promotora de Los Angeles, dos comentários do advogado americano que se propõe a defender pessoas acusadas de Stalking... Concorda? Discorda?

E sobre a história? Qual final você esperava? Aprendeu algumas palavras novas no inglês? Achou o formato interessante?

Quais temas você gostaria de ver tratados aqui nos próximos posts?

Fale alguma coisa pra gente nos comentários e ajude no desenvolvimento de outros conteúdos parecidos (ou não) com este.

Achou esta página útil? Então...
Curta ou Compartilhe com os amigos:
Conte aos seus seguidores:


Comentários  

Veja também:
Cursos Online Gratuitos

Áreas do Direito

Introdução ao Estudo do Direito (5 cursos)

Direito Civil (17 cursos)

Direito Penal (28 cursos)

Direito Processual Penal (11 cursos)

Direito Empresarial (23 cursos)

Direito de Família (29 cursos)

Direito do Trabalho (47 cursos)

Direito Coletivo do Trabalho (9 cursos)

Direito Processual do Trabalho (33 cursos)

Direito Processual Civil (102 cursos)

Condomínio (18 cursos)

Direito Administrativo (39 cursos)

Direito Ambiental (82 cursos)

Direito do Consumidor (47 cursos)

Direito Imobiliário (15 cursos)

Direito Previdenciário (26 cursos)

Direito Tributário (9 cursos)

Locação (12 cursos)

Propriedade Intelectual (3 cursos)

Responsabilidade Civil (15 cursos)

Direito de Trânsito (3 cursos)

Direito das Sucessões (16 cursos)

Direito Eleitoral (2 cursos)

Licitações e Contratos Administrativos (13 cursos)

Direito Constitucional (32 cursos)

Direito Contratual (45 cursos)

Direito Internacional Público (1 curso)

Teoria Econômica do Litígio (1 curso)

Direitos Humanos (1 curso)

Arbitragem (1 curso)

Outros (7 cursos)

Provas da OAB
Estude refazendo as últimas provas

Treine
Prepare-se para o Exame da OAB refazendo as últimas provas online.

Questões das provas da OAB