JurisWay - Sistema Educacional Online
 
JurisWay - Produção de Textos com Certificado
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
 Notícias Jurídicas

Últimas notícias

Procon-MG promove evento Procon-MG fala com Você - Lei de Meia-entrada
Eventos - (14/05/2019)

Procon-MG promove 22º Encontro sobre Consumo e Regulação - Boas Práticas na Revenda de Produtos Cárneos
Eventos - (24/04/2019)

Procon-MG promove 7ª Edição do Momento educAtivo com o tema "O que o consumidor deve saber na hora de contratar um empréstimo?"
Eventos - (25/03/2019)

Procon-MG promove 21º Encontro sobre Consumo e Regulação - Proteção de Dados Pessoais e Defesa do Consumidor
Eventos - (20/03/2019)

Procon-MG promove evento no Dia Mundial de Defesa do Consumidor
Eventos - (07/03/2019)

Procon-MG promove Encontro sobre Capacitação em Publicidade de Alimentos e Direitos do Consumidor
Eventos - (25/11/2018)

Procon-MG promove evento sobre boas práticas de preparo e venda de alimentos ao consumidor
Eventos - (15/11/2018)

Procon-MG promove 6ª Edição do Momento educAtivo, dessa vez com o tema "A liberdade de escolha do consumidor sob a perspectiva comportamental"
Eventos - (02/10/2018)

Mais notícias do dia...

Justiça condena acusados de matar ex-servidora da Furb

Perguntas e Respostas JurisWay
Ferramentas Facebook:
Envie para um amigo:


Ou compartilhe com todos:

A 1ª Vara Criminal da Comarca de Blumenau condenou Júlio César Sary e Ricardo Soares Rodrigues - conhecido como Pai Ricardo, pela morte da ex-servidora da Furb Elfy Eggert, estrangulada dentro de casa, dia 3 de julho de 2006. Sary, viúvo da vítima foi condenado a 20 anos e seis meses de reclusão em regime fechado por homicídio triplamente qualificado e fraude processual. Pai Ricardo foi condenado à pena de 18 anos e sete meses também pelos crimes de homicídio triplamente qualificado e fraude processual. O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri destacou que os dois participaram do crime em todas as circunstâncias e desqualificaram as teses das defesas. O corpo de Elfy foi encontrado no dia 4 de julho, às 16h, por uma vizinha. Ela estava no quarto, de pijamas, esticada no chão ao lado da cama de casal. Sary, viúvo da vítima, e Pai Ricardo foram presos 14 dias depois. Sary e Pai Ricardo não poderão recorrer em liberdade. O júri esteve sob responsabilidade do juiz Leandro Katschorowski de Aguiar, e contou com a participação do promotor de justiça Flávio Duarte de Souza e dos advogados Jamal Abi Faraj - na defesa de Sary, Cley Brandt Kauling e Hermes Soethe, na defesa de Pai Ricardo.

Voltar para notícias

Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br.
 
Copyright (c) 2006-2019. JurisWay - Todos os direitos reservados