JurisWay - Sistema Educacional Online
 
JurisWay - Produção de Textos com Certificado
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Artigos
Fale Conosco
Mais...
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
 Notícias Jurídicas

Últimas notícias

Procon-MG promove evento Procon-MG fala com Você - Lei de Meia-entrada
Eventos - (14/05/2019)

Procon-MG promove 22º Encontro sobre Consumo e Regulação - Boas Práticas na Revenda de Produtos Cárneos
Eventos - (24/04/2019)

Procon-MG promove 7ª Edição do Momento educAtivo com o tema "O que o consumidor deve saber na hora de contratar um empréstimo?"
Eventos - (25/03/2019)

Procon-MG promove 21º Encontro sobre Consumo e Regulação - Proteção de Dados Pessoais e Defesa do Consumidor
Eventos - (20/03/2019)

Procon-MG promove evento no Dia Mundial de Defesa do Consumidor
Eventos - (07/03/2019)

Procon-MG promove Encontro sobre Capacitação em Publicidade de Alimentos e Direitos do Consumidor
Eventos - (25/11/2018)

Procon-MG promove evento sobre boas práticas de preparo e venda de alimentos ao consumidor
Eventos - (15/11/2018)

Procon-MG promove 6ª Edição do Momento educAtivo, dessa vez com o tema "A liberdade de escolha do consumidor sob a perspectiva comportamental"
Eventos - (02/10/2018)

Mais notícias do dia...

Condenado entregador que tentou matar almoxarife

Perguntas e Respostas JurisWay
Ferramentas Facebook:
Envie para um amigo:


Ou compartilhe com todos:

 



Em sessão presidida pela juíza Zilmene Gomide da Silva Manzolli, o 2° Tribunal do Júri da comarca de Goiânia condenou hoje (19) a sete anos de reclusão, em regime semi-aberto, o entregador Luiz Augusto Gonzaga Pereira, de 22 anos. Ele é acusado de tentar matar o almoxarife Fabiano Vieira Alves, de 23 anos, na tarde de 28 de fevereiro de 2005, no Setor Parque das Amendoeiras.

De acordo com a denúncia, Luiz Augusto era integrante da torcida organizada do Goiás denominada Força Jovem enquanto Fabiano fazia parte da torcida organizada do Vila Nova, denominada Esquadrão Vilanovense. No dia anterior ao crime, réu e vítima se desentenderam quando se encontraram a caminho de um jogo no Estádio Serra Dourada.

Na tarde do crime, ao ver Fabiano conversando com um amigo do lado de fora da sua casa, o acusado retornou ao local, sacou o revólver e disparou três tiros em direção à vítima, dois deles acertaram Fabiano. Após o crime, o réu fugiu. O almoxarife foi imediatamente socorrido pelo pai que o levou para o Cais Amendoeiras, de onde foi transferido para o Hospital de Urgências de Goiânia- Hugo.

Em plenário, o representante do Ministério Público (MP) pediu a condenação do réu pela prática de tentativa de homicídio, a defesa sustentou a tese de legítima defesa, pediu a desclassificação do crime para lesão corporal e se bateu pela atenuante de confissão espontânea. O Conselho de Sentença reconheceu a autoria do crime e acatou a tese da acusação.

Consta ainda que o réu é reincidente porque já foi condenado a nove anos e nove meses de reclusão pela prática de roubo qualificado, encontrando-se em livramento condicional. Ele responde ainda a processo por porte ilegal de arma.

 

( Juliana Faleiro)

Voltar para notícias

Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br.
 
Copyright (c) 2006-2019. JurisWay - Todos os direitos reservados