JurisWay - Sistema Educacional Online
 
 
Cursos
Certificados
Concursos
OAB
ENEM
Vídeos
Modelos
Perguntas
Notícias
Fale Conosco
 
Email
Senha
powered by
Google  
 
 Notícias Jurídicas

Últimas notícias

Exigência de cheque caução para internação em UTI gera indenização por danos morais
TJ-DFT - (30/01/2015)

8ª Turma: empresa é condenada a indenização por dano moral a trabalhador aposentado por invalidez
TRT - 15ª Região - SP (Campinas) - (30/01/2015)

Aprovado em abril pelo Senado, Marco Civil da Internet depende de regulamentação
Senado Federal - (30/01/2015)

Redução da carga de trabalho de enfermeiros está pronta para votação
Câmara dos Deputados - (30/01/2015)

Recusa a reintegração não impede que gestante receba indenização pelo período de estabilidade
TST - (30/01/2015)

Ministro Celso de Mello divulga voto em RE que discutiu antecedentes criminais
STF - (30/01/2015)

Leis brasileiras ainda não reconhecem danos morais a animais, diz Tribunal
TJ-SC - (29/01/2015)

Município indenizará paciente que percorreu "via-crúcis" por 12 meses após cirurgia
TJ-SC - (29/01/2015)

Mais notícias do dia...

Projeto permite revisão de aposentadoria ou pensão a qualquer tempo

Câmara dos Deputados - 03/02/2012

Perguntas e Respostas JurisWay
Ferramentas Facebook:
Envie para um amigo:


Ou compartilhe com todos:

A Câmara analisa o Projeto de Lei 2804/11, já aprovado pelo Senado, que concede aos aposentados e pensionistas do INSS o direito de requerer a qualquer tempo a revisão do valor do seu benefício. Atualmente, há um prazo de dez anos, contados a partir da concessão do benefício.

O projeto mantém o atual prazo de cinco anos para a prescrição do direito ao recebimento de eventuais diferenças, a contar da data em que o benefício foi ou deveria ter sido pago. Ou seja, conforme a proposta, o segurado poderá requerer a qualquer tempo a revisão do valor da aposentadoria ou pensão, mas, se a revisão for concedida, ela só retroagirá cinco anos em relação à data da ação.

O projeto se aplica também aos casos em que a aposentadoria ou pensão for negada pela Previdência. O segurado, igualmente, não terá prazo para recorrer dessa decisão, mas o alcance de uma possível revisão será limitado aos cinco anos anteriores à ação.

A proposta recupera a redação original do artigo 103 da Lei 8.213/91, que dispõe sobre os planos de benefícios da Previdência Social. Esse artigo já foi alterado três vezes.

A prescrição (cinco anos) não se aplica a benefícios concedidos a menores, incapazes e ausentes. Essa regra já existe na lei e é mantida pelo projeto.

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Íntegra da proposta:

  •  PL 2804/2011
  • Da Redação/WS

Voltar para notícias

Importante:
1 - Todos os artigos podem ser citados na íntegra ou parcialmente, desde que seja citada a fonte, no caso o site www.jurisway.org.br.
 
 
Copyright (c) 2006-2015. JurisWay - Todos os direitos reservados